Levar as TIC  para a sala de aula, envolve   a questão da interdisciplinaridade, ou seja requer um projeto, que envolva outros professores, que juntos possam direcionar as tomadas de decisões, fundamentar os objetivos e criarem uma proposta que envolva todos os conteúdos  e todos os alunos que realizam o processo  ensino- aprendizagem.

Parece utópico, embora as escolas procuram oferecer oportunidade aos docentes se envolverem em projetos, há um desencontro de horários e de comunicação, que dificulta a realização de um trabalho permanente e sistematizado.

Mas as TIC, não exige o encontro dos que nela atuam fisicamente, a rede pode estabelecer essa conexão, embora os docentes ainda tenham  a idéia de que trabalho interdisciplinar, requer trocas diretas.

Percebe-se a necessidade de docentes  e discentes, entenderem melhor a questão do trabalho interdisciplinar e a formação dessas equipes, seu controle e sua organização, para alcançarem os resultados, é uma nova forma de trabalhar e requer disposição, interação e motivação para inovar.

Deveria ser extensivo a todos os professores, mas sabemos que sempre alguns colegas docentes, não têm e não sabem fazer uso destes recursos.

Quem será responsável pela implantação do projeto? E quando  os professores que nele estiverem atuando, de alguma forma se afastarem da escola, pois sabemos que na escola pública, há uma rotatividade muito grande de professores, como ficará o andamento do trabalho?

Para estas perguntas, fica a incerteza do aluno, que perde sua referência na ausência do professor.

E com relação as Instituições escolares que deixam alguns professores da área, incumbidos da manutenção dos laboratórios, e estes adaptam os programas que julgam necessários, não disponibilizando aqueles que julgam obsoletos no processo educacional.

No meu caso, já levei os alunos para pesquisarem temas para realização do trabalho de conclusão de curso, e eles tinham mandado o material pesquisado para o email, e no laboratório, não entrava determinados provedores, ou casos de que pedi para pesquisarem determinado site, e o site não estava dispo nível, sem contar que a rede caia, porque tinha muita gente acessando.

Cabe a equipe educacional, discutirem o que precisa na implantação das TIC, para que os professores que fazem uso deste recurso, não ouvirem a seguinte explicação: é o governo que inibe a entrada em certos sites, e os colegas responsáveis por esses laboratórios têm que compreender que a educação é um processo democrático a serviço da cidadania.  (Irene Fonseca)

 

 

Vistas: 182

Comentario

¡Tienes que ser miembro de Encuentro Internacional de Educación 2012 - 2013 para agregar comentarios!

Comentario de Irene Fonseca el septiembre 28, 2011 a las 6:22pm
Lurdes, eu me referi ao uso dos Laboratórios disponíveis em determinadas instituições,  sempre tem os professores responsáveis por eles, geralmente são da área de informática, eles controlam o uso, os sites, os históricos dos computadores, enfim, são verdadeiros policiais, e acredito que este uso deva ser democrático, a serviço da cidadania, onde todos os docentes possam participar, sem discriminações e terem liberdade de escolherem os sites de trabalho que julgam apropriados para análise na aula.O próprio grupo de informática de certas instituições, não  nos abrem esta possibilidade, e dizem que o governo estabelece os sites que podem ser utilizados, acho desrespeito tomar para si o que é coletivo.Obrigada pela manifestação.
Comentario de Lurdes de Fátma Augusto el septiembre 27, 2011 a las 11:45am
gostei desta materia gostaria de ter mais informações acerca do servoço de cidadania

Nuevo Proyecto Fundación Teléfonica

EXPERIENCIAS EDUCATIVAS SXXI

¿Quieres conocer las últimas experiencias educativas? Asómate al nuevo proyecto de Fundación Telefónica

Encuentro Internacional Educación

imagem enlace à vídeo

Álbum fotográfico

Insiders

imagen enlace a la página de los insiders

imagem enlace à página dos insiders

© 2020   Creada por Encuentro Educación 2012 - 2013.   Con tecnología de

Insignias  |  Informar un problema  |  Términos de servicio